Segue-me por Email

sábado, 18 de outubro de 2008

Dia Mundial das Missões...

Um testemunho...


"Preparando a partida…


Nem sempre é fácil falar de nós mesmo. Para falar da minha vocação missionária e principalmente deste momento especial em que me preparo para partir pela primeira vez, permito-me usar três imagens e/ou expressões Bíblicas: Emaús (cf Lucas 24,13ss) “Onde está o teu irmão?” (Gen.4,9 ) e “Recebestes de graça, dai de graça” (Mateus 10,8)

Emaús
Emaús é a terra daqueles dois discípulos que, desanimados e desiludidos da sua vida de seguidores de Jesus, voltam tristes e solitários à sua terra, a poucos Km de Jerusalém. É neste momento de desilusão total que o Ressuscitado lhes aparece, lhes fala, se dá a conhecer no partir do pão (a Eucaristia). Este “falar” de Jesus provoca-lhes um “fogo que arde no seu coração”. Este fogo leva-os a voltar a toda a pressa para junto dos outros discípulos e anunciar-lhes que de facto Ele tinha ressuscitado. Emaús é o “país da alma”, o país do encontro com Jesus na intimidade que leva a correr ao encontro dos outros a levar o anúncio da vida nova dada por Jesus. Isto é ser Missionário.

Onde está o teu irmão?
Esta é a pergunta que deus faz a Caim depois de, por inveja, ele o ter matado. Esta é a pergunta que Jesus faz hoje a cada um dos seus discípulos, os cristãos do nosso tempo: onde está o teu irmão? Que fazes pelo teu irmão necessitado? O teu bem-estar, quantas vidas custou? Quantos escravos exploraram? Como vês o estrangeiro? Que fazes por ele? Nunca te esqueças que no fim da vida seremos julgados pelo amor que praticamos.
Parto precisamente para ir ao encontro destes irmãos, dos mais esquecidos nos dias de hoje, na Etiópia, um dos países mais pobres do mundo. Neste aspecto S.Daniel Comboni foi um grande. Ele escreveu: “a África e os africanos apoderaram-se do meu coração que só vive para eles”.E a forma de o imitar é também eu partir…

“Recebestes de graça, dai de graça”
Diante do apelo de Jesus a ser testemunha de esperança e de vida, a ir ao encontro dos outros, não podia ficar tranquilo na minha terra, com o que tinha, a minha vida ganhou horizontes maiores e tudo o que recebi gratuitamente, é com gratuidade que o quero dar como sacerdote missionário comboniano. Sinto-me enviado pelo Deus da Vida para ser testemunha de vida nas terras da Etiópia.

E tu? Que queres fazer da tua vida?

Com amizade,

Pe Quim, mccj."
Podem visitar o Pe Quim - AKI -
E podem recordar o ano anterior Aqui

1 comentário:

Lucas Soares disse...

Gostaria de saber se poderíamos fazer uma parceria?!
Este é o endereço do meu blog:
http://esperaemdeus.blogspot.com/

Espero uma resposta.
=) Fique na paz!