Segue-me por Email

sábado, 26 de maio de 2007

Quero Chegar...

Subo a colina...está frio, o céu ameaça chuva, o vento rodopia ao meu redor,
Quer dizer-me coisas...mas eu não quero ouvir...e subo a colina, quero estar só, mas longe do mundo, por isso subo a colina, o esforço obriga-me a pensar, e o ritmo do meu passo, vai-se acertando com o ritmo do meu pensamento...quero ver tudo lá de cima, quero encontra-me com a planície do meu pensamento...e espalha-lo naqueles prados, quero beber água da fonte que está lá no cimo, vou só, não levo nada, porque lá de nada precisarei...no caminho não vejo passos na terra, há tanto tempo que ninguém sobe a colina...o caminho é íngreme, o vento faz o pó espalhar-se...e está frio, mas não desisto...hoje quero chegar lá acima...

À beira do caminho o desfiladeiro acentua-se cada vez mais, sinto-me cansada...mas continuo, de vez em quando paro e olho o caminho percorrido...já falta pouco, está quase...chegarei...

E cheguei...o vento acalmou, a fonte continua a brotar por entre as rochas, e bebo água, faço-a deslizar pelo meu rosto gelado e cheio de pó, os prados verdejantes erguem-se ante os meus olhos, ali existe um mundo feito silêncio, um mundo que o mundo não quer descobrir, porque é difícil chegar lá...

E rodopio sobre mim, sinto-me feliz porque cheguei, quero festejar...apesar do cansaço...
Mas, depois volto para mim, e fico sossegada no fundo de mim...oiço o bater do meu coração que ainda está acelerado...mas depois, pouco a pouco vai sossegando... olho o desfiladeiro, e vejo que até ali naquele pequeno mundo cheio de sossego, de silêncio e de Deus...o perigo paira, e afasto-me, não sem antes ver as pedras que fiz rolar e vão caindo, rolando pela encosta...até os meus olhos as perderem de vista...



Sinto-me pequenina lá no alto...vejo tudo também pequenino, porque distante, deixo-me inundar por aquele silêncio, que me acalma, sento-me no chão e fecho os olhos...

Vou ficar até que os meus pensamentos anoiteçam e amanheçam...

13 comentários:

Escorpiana Explosiva disse...

passei aqui´só pra deixar um oi

anawîm disse...

só aí, no alto, é que os céus são enormes
só aí, todos os pormenores do mundo são pequenos...
ficas aí, onde os Céus e a Terra se tocam... e ficas bem, porque aí está Deus, na brisa silenciosa, na paz, na serenidade

sabendo subir a todas as colinas da nossa vida... a vida tem outro sabor... tem outra cor...

elsita,
um abraço muito especial para ti, neste dia em que Ele, mais uma vez, vem habitar dentro de todos os corações

celtaj disse...

La paz encontrada en lo alto de la colina es el sosiego del alma, lejos del mundo ruidoso, material y egoista. Una paz doblemente bienvenida, después del esfuerzo del camino.
Un saludo.

Cátia disse...

É no cimo da montanha que estás mais perto de Deus... Jesus também a subia para falar com o Pai. Mas não te esqueças que Ele não ficava lá muito tempo, depois de se encontrar com o Pai, voltava para baixo, para junto dos irmaos...

Espero que os teus pensamentos amanheçam rapidamente. Beijinho no teu coraçao.

Tozé Franco disse...

É bom subir ao cimo da montanha. Só daí poderemos ver certas coisas. Só daí podemos alcançar mais longe. É bom caminhar e parar para contemplar.
Um abraço.

Andreia do Flautim disse...

Olá amiga!

Um bom domingo para ti!=)

Deepak Gopi disse...

:):)Is that Lisbon?

anita disse...

Linda bom dia. Passei para te deixar beijinhos e desejar uma semana cheia de bençãos.
Que o Senhor esteja contigo todos os dias.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

Fa menor disse...

Olá amiga!

Passei aqui para te desejar um bom dia e uma boa semana.

E dizer-te que depois de subirmos as colinas e nos encontrarmos distantes do mundo, também temos que pôr os pés bem assentes no chão e viver a realidade à nossa volta!

Um beijinho grande.

Fa-

Sei que existes disse...

Que viagem maravilhosa deve ter sido!... E que sensação única deves ter sentido!...
Beijos

Moura disse...

Costumo falar aos alunos que os estudos são como uma montanha. Quanto mais alto subimos, mais trabalho temos...mas a recompensa das vistas não tem igual. Os alunos preguiçosos ficam no sopé da montanha e com as vistas reduzidas, muitas das vezes necessárias para ver o que realmente é importante na nossa vida.
Ando um pouco atarefado com algumas actividades na escola e por isso reduzi as minhas viagens blogosféricas.
Um abraço

Alexandre disse...

Deixa-me subir contigo - adoro essas paisagens, esses desfiladeiros, essas rochas montanha acima, colina abaixo! Adoro o mistério das montanhas e mais ainda o mistério das pessoas...

Beijinhos!!! Muitos!!!

Obrigado pelos mails e pelas tuas palavras... são magia para mim...

vero disse...

son palabras de un alma peregrina. Un alma que sabe de caminos y encuentros. Un alma que tiene claro que para llegar a la sima se necesita esfuerzo y fe en aquel que todo lo puede y que es nuestra meta.
vero