Segue-me por Email

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Ordenação Presbíteral Diác.Nuno Silva

 Ao sabor do ritmo de Deus 




Agora que os dias são mais curtos e as noites mais longas, vivo a beleza da espera que me revela a verdade do desejo de me entregar a Deus e à Igreja! Nos últimos dias muitas têm sido as pessoas que me têm abordado para saberem como me sinto a tão poucos dias da minha Ordenação Presbíteral! Eu sorrio-lhes mostrando a imensa alegria e felicidade que vive em mim e digo-lhes que está tudo normal; que ainda faltam cinco dias para o grande momento e que simplesmente permaneço em espera! Não uma espera de quem está sentado a ver o tempo passar, mas uma espera que tem o sabor da convivência com Deus e, por isso, enraizada no serviço, na vigilância e na oração, vivendo os dias e os desafios que brotam de cada um, na certeza de que me sinto preparado para tão bela entrega; uma espera que vive do desejo e da certeza de que é este o passo que Deus quer para mim, e que eu igualmente desejo!


Aquele normal nervosismo dos grandes momentos das nossas vidas, e pelo qual todos parecem estar à espera, ainda não surgiu. Terá o seu tempo, quase de certeza! O mais normal é que surja Domingo, no grande dia em que serei Ordenado Padre! É mais um dia e mais uma etapa alcançada…mas não o fim… o desafio continua grandioso e a crescer! É uma entrega desejada há muito tempo, que possui e mexe com muitas coisas dentro de mim; que mexe com a minha história de vida e com todas as suas “personagens” que, umas mais que outras, se foram revelando indispensáveis para que eu pudesse deixar-me chamar e caminhar para o Sacerdócio ...no entanto o desejo é o de continuar a caminhar conforme a vontade de Deus! Com uma passada tão feliz, penso que o meu futuro tem tudo para ser ainda mais rico e mais feliz.

Estes últimos dias têm sido também um pouco nostálgicos. Foi um ano muito bom o que passei ao serviço da Paróquia de São Miguel da Sé em Castelo Branco. Sinto que fiz uma experiência muito rica no que respeita ao que me foi dado viver em oportunidades e desafios … Por terras da Beira Baixa tenho sido muito feliz e, acima de tudo, tenho feito uma forte experiencia de vida, não só no serviço e na relação com a comunidade, mas principalmente no crescimento da minha relação com Deus, com Quem me fui aproximando e apaixonando ainda mais.

Gosto muito de ser Diácono, confesso, mas Deus desafia-me a uma missão mais profunda, centrada na mesa do Pão e do Vinho e da Palavra, o Altar, onde por meio de mim, pela Graça do Seu Espírito Santo, Ele se torna Presente. Quando penso nisso, e nestes dias tão próximos do grande momento da Ordenação é impossível não pensar, volto-me para Deus e questiono-me se de facto serei eu digno, se terei forças para possuir tão belo e rico tesouro. Há um sentimento de “fraqueza, temor e muito tremor” (1 Cor 2,3) como está presente em São Paulo quando este se dirige à comunidade de Coríntios, no inicio da sua primeira carta. Ao mesmo tempo está presente a certeza de que Deus me ama e que me chama a uma confiança total no Seu Espírito Santo, na inspiração que brota d’Ele e que me tem acompanhado e guiado ao longo destes anos em que me entrego a Ele com tudo aquilo que tenho e sou. E é nessa confiança que vivo a aguardar o próximo Domino que será de grande festa para mim, para a minha família e amigos, mas com toda a certeza para a Diocese de Portalegre – Castelo Branco e para toda a Igreja Universal. Uma Festa não porque se trata da entrega da minha pessoa a Deus e a essa mesma Igreja, mas porque toda a Igreja Universal, principalmente a nossa Igreja Diocesana, recebe mais um sacerdote para continuar a missão de Jesus e o Plano Salvífico de Deus para o Seu Povo Eleito. É essa a alegria que deve ser centro desta festa que não é só dos meus, mas de todos os cristãos. A poucos dias de me tornar Padre Diocesano é grande a alegria que vive em mim pela gratidão, colaboração e entusiasmo que vejo e sinto em redor.

Aproveito para pedir oração por mim, também pelos nossos Sacerdotes e, claro, pelo surgir de mais Vocações Sacerdotais! Desejo que a festa de Domingo seja verdadeiramente festa de todos e por isso a todos um Bem – Hajam de gratidão e amizade.

Diácono Nuno Miguel
Fotos -  Jornal Reconquista
Também publicado - Aki



 A Ordenação presbiteral do Diácono Nuno Silva está marcada para a Sé de Portalegre, pelas 16h.
Desde já convidamos todos a participar neste momento importante para a vida do Diácono Nuno e também para a Diocese.



1 comentário:

silvioafonso disse...

.


Aqui eu senti a brisa da paz.
Talvez fosse como se eu sen-
tasse aos pés de uma figuei-
ra a espera do nascer do
sol.
Estou seguindo vocês, mas a-
doraria, de certo modo, que
vocês seguissem o meu blog.

Amém

silvioafonso





.