Segue-me por Email

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

testemunho de uma criança!

O mundo viu meu rosto destruído pelo fogo.
Agora, ele deve conhecer o meu sorriso cheio de amor e paz",

"Extremistas hindus queimaram o rosto de uma menina cristã de 10 anos, infligindo-lhe ferimentos com estilhaços em 40% de seu corpo e forçando sua família a se esconder em uma floresta e fugir para um campo de refugiados no Estado de Orissa.

Mas esse drama não abalou sua fé nem sua gratidão a Deus por esse tempo.
"Natal é tempo de agradecer ao menino Jesus que me salvou do fogo e salvou o meu rosto que estava ferido e desfigurado", disse Namrata Nayak à agência de notícias Asia News.

O rosto de Namrata foi gravemente mutilado após um ataque com bomba de extremistas hindus na casa onde ela estava em 26 de agosto. Eles arrombaram a casa e a incendiaram enquanto Namrata e seus irmãos se escondiam em um pequeno banheiro. Antes de saírem da casa, eles deixaram uma bomba em uma cômoda, de acordo com o relato.

Enquanto a menina avaliava o que fora destruído, a bomba detonou e queimou seu rosto.
A explosão também alojou estilhaços dentro de seu rosto, mãos e costas.
A mãe de Namrata, Sudhamani, veio correndo da floresta, onde tinha se escondido.

"Nós vimos tudo queimado e tememos que alguém tivesse morrido nas chamas", disse Sudhamani. "Em vez disso, graças a Deus, todos estavam bem. Apenas essa minha filha tinha se ferido. Mas Jesus cuidou dela. Nós a levamos para o hospital em Berhampur ainda inconsciente e gravemente ferida."

"Há muita dor e sofrimento, e eu não sei por quanto tempo as forças especiais irão nos proteger", disse ela ao Asia News. "Mas Natal é um tempo de gratidão. Estou com medo de que meu povo ainda seja atacado, mas essta é a nossa vida. Se Deus me salvou, ele também pode salvar outros cristãos."

Os agressores hindus juraram outro ataque de grande escala contra os cristãos durante o Natal. A violência começou após os cristãos terem sido culpados pela morte do líder hindu Swami Laxmanananda Saraswati em 24 de agosto. Eles continuam a ser perseguidos embora os maoístas tenham admitido abertamente terem assassinado Saraswati.

Os hindus ofereceram dinheiro, comida e álcool para quem assassinar cristãos e destruir suas casas, especialmente os pastores. Milhares de casas e igrejas foram destruídas, e os cristãos foram forçados a fugir da violência. Muitos foram encharcados com querosene e incendiados após recusarem a renunciar sua fé em Cristo.

No entanto, Namrata encoraja os cristãos indianos a perdoar seus agressores hindus.

"Perdoamos os radicais hindus que nos atacaram e incendiaram nossas casas", disse ela . "Eles estavam loucos, eles não conhecem o amor de Jesus. Por esse motivo, agora eu quero estudar para que, quando for mais velha, possa dizer a todos quanto Jesus nos ama. Esse é o meu futuro."

Namrata disse que o plano de sua vida é compartilhar a mensagem do amor de Deus.

O mundo viu meu rosto destruído pelo fogo. Agora, ele deve conhecer o meu sorriso cheio de amor e paz", disse ela. "Quero dedicar minha vida a difundir o evangelho.""

Fonte - AKI

2 comentários:

Anónimo disse...

Que testemunho tocante. Eu já conehcia sua história e até havia colocado sua imagem em um post que fiz sobre os ataques aos cristãos. Mas depois disso não havia mais ouvido falar dela e de sua família.

Um lindo final de semana e muita paz.

Smack!

Edimar Suely
jesusminharocha.blig.ig.com.br

A Flôr disse...

Um testemunho emocionante.

O amor por Jesus ajuda-nos a encarar, a suportar as mais dificeis provações, sempre com um sorriso no rosto e o perdão no coração!

Gosto tanto tanto tanto de ti Elsinha....

Beijo doce meu em Tu

Flor