Segue-me por Email

terça-feira, 26 de junho de 2007

Encontrei...

Abro a janela da vida
E sinto no frémito
Da brisa
O som suave
Da paz
Da harmonia
Da envolvência
quero ir...

Irei
até onde esse sussurro
Me levar.....

E parto
No ar que me envolve
Há um perfume
Uma presença
Uma calma
Que me invade
E eu quero senti-la

Sinto a vida pulsar
No breve tremor
Que anuncia a calma
Que vem a mim
Que quer ficar...

E volto, volto á vida
Encostei a janela...
E pela porta entrou
A paz...
Que se sentou
Frente a frente comigo
deu tudo
e eu...
Deixei-me estar
Bebendo-a
Gota a gota...
Sem pressa
No limiar da minha alma
Onde a paz comigo
se encontrou...

elsa sekeira

17 comentários:

Andreia do Flautim disse...

Olá!

Uma boa semana para ti!

joaquim disse...

Lindo e transmissor de paz.
Obrigado.
Abraço pacifico em Cristo

Cátia disse...

Querida,

Que bom é encontrar a paz, que bom é sentirmo-nos serenas... Fico mt feliz por te saber tranquila.. Por saber que no teu coraçao está a Paz de JeSUS.

Beijinhos da menina que te ama

DairHilail disse...

que bom que é essa sensação...de paz...

Alexandre disse...

«Abro a janela da vida
E sinto no frémito
Da brisa
O som suave
Da paz»

Afinal acho que quem está sp actualizada és tu, tens sempre uma palavra na hora certa, e escreves palavras com um sentido divino... este teu poema está um encanto!

Muitos beijinhos!!! Dorme bem!!!

sony disse...

Debaixo dum sol sombrio!
De uma chuva seca!
Num mar de águas doces!
Onde a areia é negra e grossa!
Brotou um trevo...
ele é da cor da esperança
e trouxe a alegria
num rosto de quem não é criança
O sol brilhou!
A chuva molhou!
O sal voltou e salgou!
A alegria ficou
Tudo mudou...
...esse lindo trevo!
Que a blogosfera plantou!
Estou felizzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz!!!

BJ
Sony:-)
obrigada

serenidade disse...

Elsa,
é tão bom, maravilhoso o sentimento de encontro com o Eu, parabéns. Agora vai em frente não temas as pedras que encontrarás pelo caminho, nas que tropeçares, guarda-as com carinho.

Sereno sorriso

maresia_mar disse...

Olá
às vezes é importante abrirmos a janela da vida, só assim vemos o que está do lado de lá.. o mistério da vida é assim mesmo.

Agora eu é só trabalho, estou a deitar pelas costuras e por isso ando em falta com os meus amigos.. sorry, sempre que puder dou um saltinho. Bjhs

MARTA disse...

Tão bom estarmos e encontrarmo-nos em paz...
Poema suave, transmite uma serenidade que eu precisava, pois estou doente.
Obrigada pela partilha.
Beijos e abraços
Marta

João Cordeiro disse...

Fica em paz contigo propria...

Cris disse...

Que sensação boa, essa que transmites nestas palavras! Até eu senti a paz a soprar na minha pele!! Obrigada pela partilha!

Beijinhos :)

Fa menor disse...

Que bom, a paz, não é querida?
Que te deixes sempre envolver por ela para a transmitires a quem dela tanto precisa!

Um beijinho grande!

Fa-

Papoila Sonhadora disse...

Ola Elsa, lembraste-me o poema de Rumi, o mistico do Amor: "Em cada coraçao, ha uma janela para outros coraçoes..."

Ha tantos encantos no alto do Ceu, como no fundo mais fundo do mar...
Ha tanta Beleza, no gesto mais pequeno,
que de encantos e seduçao faz o Ceu e o Mar, Suspirar,

Doce Bj de encanto e Amizade,
PAPOILA SONHADORA,

Marlene Maravilha disse...

Lindo poema! Grande sensibilidade! As fotos são lindas! Esqueci de comentar a do post anterior!
beijos

Hanah disse...

sempre uma brisa limpida...
as mãos D´Ele está sempre aki

boa semana para ti também ...

beijos

bico de pato disse...

Estranho!...Havia um mais que não está aqui...
Para onde voou o primeiro dos dezasseis comentários?...

elsa nyny disse...

Amigo Bico de Pato!!

estás a fazer confusão...no post seguinte é que o teu coment é o primeiro ...podes verificar!!!

beijinhos para todos!!!